Dicas

Piscina compartilhada e a COVID-19

Em tempos incomuns como estes precisamos nos questionar para nos manter seguros.

Esse ano, a maior parte dos feriados passamos em quarentena e, agora que as cidades estão flexibilizando o acesso à áreas públicas, estão surgindo questionamentos sobre a segurança de algumas atividades. Dentre elas o uso de piscinas em hotéis, pousadas e até mesmo em casas de aluguel para temporada. Afinal, é seguro usar a piscina?

Com a chegada do verão, a tendência é levarmos a vida mais ao ar livre o que, em tese, diminuiria as aglomerações em ambientes fechados. Mas e quando vamos passar um tempo em um ambiente compartilhado? Quais os cuidados devemos tomar?

A boa notícia é que o vírus da Covid-19 não transmite na água!

Estudos realizados apontam que o vírus permanece menos tempo no ar do que em superfícies, então usar a piscina não é um problema, pois o vírus não transmite na água, e uma rotina de manutenção e desinfecção com cloro já é suficiente para neutralizar o vírus.

Se você se sentir mais seguro, peça para o local onde você está hospedado lhe informar o calendário de limpeza das piscinas neste momento. 

O grande problema está na aglomeração dentro e fora da piscina, principalmente em clubes e condomínios. 

O uso das escadas que dão acesso à água, registro de chuveiros e duchas, são lugares onde podem conter o vírus e a grande circulação de pessoas nesse local podem causar o contágio, mesmo a piscina estando 100% segura.

Em hotéis e pousadas com acesso liberado ao ambiente das piscinas e área de descanso com redes ou espreguiçadeiras podem ser um problema, ainda que sejam afastadas umas das outras.

Pela regra, não é necessário usar máscara dentro da piscina, o uso da mesma deve ser feito assim que sair para circular nos espaços comum dos hotéis e pousadas mas, ainda sim o ideal é manter sempre o distanciamento físico.

Para pessoas que tem piscina em casa, não é por que a piscina é particular que podemos reunir amigos e curtir uma festa, temos que considerar que nem todos conseguiram ficar mais isolados em casa, por motivos de trabalho ou outros. O fato é que precisamos lembrar que algumas pessoas podem estar doentes e não apresentar nenhum sintoma e com isso levar o vírus para dentro de sua casa.

Então lembre-se:

  1. Manter o distanciamento social é crucial para manter a nossa segurança em todos os lugares
  2. Apesar do vírus não ser transmitido na água, o ambiente como um todo requer precaução da nossa parte. 
  3. Manter um distanciamento seguro dentro das piscinas em lugares coletivos é extremamente recomendado, uma vez que as pessoas não estarão de máscara. 
  4. A limpeza e manutenção das piscinas contribui muito para evitar a propagação do vírus. Para saber mais sobre as Boas práticas de manutenção de piscinas, acesse nosso conteúdo aqui

E, por fim é sempre bom ressaltar que infelizmente o vírus ainda está circulando e, mesmo com as flexibilizações devemos estar atentos aos cuidados necessários para a nossa segurança e a de todos! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *