Técnico

Dimensionamento de iluminação para piscinas

Seja você cliente final, lojista, eletricista, projetista, engenheiro, mestre de obras, arquiteto ou apenas um curioso, esse artigo foi escrito para que você tenha informações objetivas e muito relevantes sobre dimensionamento e iluminação para piscinas.

Quando pensar dimensionamento de iluminação para piscinas?

O momento ideal para dar atenção ao dimensionamento de iluminação da piscina é ainda no briefing do projeto, pois é muito importante considerar o modelo de refletor desejado uma vez que isto pode ter influência, por exemplo, em quais tipos de tubo deverão ser chumbados para a instalação, uso de caixas de passagens ou não e posicionamento adequado.

Frequentemente deixa-se a discussão para o final da obra e consequentemente depara-se com problemas de execução.

Um exemplo disto são nossos refletores Mini Slim e Mini Quadra. Eles têm um design exclusivo, super discreto e elegante. Entretanto, só podem ser instalados em tubos de PVC de 50mm ou 60mm (com adaptação). Em alguns casos, eles são apresentados aos clientes finais quando as passagens (tubos) já estão chumbadas na piscina. Porém são tubos de 20mm ou 25mm. Assim sendo, fica inviabilizada a possibilidade de usar esses modelos.

Ademais, é importante frisar que se não forem observadas as orientações de dimensionamento quando da execução do projeto, pode ser que não haja possibilidade de correções. Ou fica como está ou é necessário quebrar tudo e refazer, o que certamente acarretaria em despesas não previstas e até prejuízos irreparáveis.

O que discutir para o dimensionamento de iluminação para piscinas?

De acordo com nossa experiência, na maioria das vezes em que o cliente final fica insatisfeito é porque faltou alinhar algum ponto muito relevante durante o briefing. Então segue uma lista de sugestões a serem discutidas ainda na fase pré-projeto:

  • Qual tipo de dispositivos e refletores serão usados na piscina?
  • Quais linhas e modelos agradam mais o cliente final e harmonizam com o restante do projeto?
  • Como será o revestimento? De que material? Que cor?
  • O que o cliente espera em termos de efeito da iluminação? Quer uma piscina super iluminada ou algo mais discreto? Quer ter a possibilidade de controlar a intensidade da luz ou não? Quer ter opção de troca de cores ou usar apenas uma cor? Prefere tons mais frios ou mais quentes? Quer controlar os efeitos da iluminação por controle, interruptor ou aplicativo de celular?
  • De que forma a piscina se integra ao ambiente? Como é seu entorno?
  • A piscina terá hidromassagem?
  • Terá prainha? Terá borda infinita?
  • Qual o formato da piscina? Terá curvas?
  • Quanto se estima investir para a iluminação da piscina?

 

Enfim, lembre-se de que cada pessoa é única e tem suas preferências. Por isso, não assuma que o que você acha bacana vai agradar a todos. O briefing é super importante para a satisfação dos clientes e também para evitar transtornos.

Por que iluminar a piscina?

Primeiramente, dentre os principais motivos está a segurança do usuário. Em uma piscina iluminada é muito mais fácil de perceber caso uma pessoa ou animal de estimação tenha caído sem que ninguém estivesse por perto. Além disto, em áreas mais remotas, é possível identificar a presença de animais selvagens ou venenosos.

Ademais, caso a piscina tenha degraus ou quinas, a iluminação contribui para a segurança do usuário.
Decerto a iluminação da piscina também permite que os usuários possam aproveitá-la ao máximo, inclusive depois do pôr do sol. Além de que, com o uso de equipamentos adequados, ela pode também ser atrativo para uma festa, contribuir para a iluminação cênica do ambiente e claro, evidenciar a piscina!!

Ou simplesmente, porque uma piscina iluminada fica muito mais bonita.

Para ilustrar, veja abaixo a comparação de uma piscina com e sem iluminação:

Por conseguinte, em termos de investimento, a iluminação da piscina gira em torno de 0,01% em relação à construção da casa e 1% em relação à construção da piscina. Um valor praticamente irrisório em comparação aos benefícios que oferece.

Conceitos de Luminotécnica

Uma vez que foi encerrada a fase do briefing e com as decisões tomadas, vem o momento de entender quantos refletores devem ser instalados, suas potências e o dimensionamento de iluminação ideal. Antes de entrar nesta questão é importante que tenhamos alguns conceitos de luminotécnica alinhados:

  • Fluxo luminoso é a energia radiante luminosa instantânea, emitida entre as frequências de 380 a 780 nm (nanômetros) por uma fonte primária. A unidade internacional de medida (SI) que se utiliza é o Lúmen ( lm ), que mede, a quantidade de energia luminosa emitida num instante por um corpo luminoso na gama de frequências que vai dos 380nm (violeta) aos 780nm (vermelho).
  • Área iluminada é a superfície iluminada por uma fonte luminosa, expressa em m².
  • Iluminamento é o fluxo que incide numa determinada superfície expressa em m².

Posto que a unidade internacional de medida (SI) que se utiliza é o Lux ( lx ), que equivale a 1 lúmen por metro quadrado.

Via de regra, quanto menor a área iluminada desejada, maior é o iluminamento. Ou quanto mais longe o objeto a ser iluminado, mais lúmens serão necessários para um iluminamento ideal.

As cores:

As cores dos refletores BRANCOS são medidas por sua temperatura em graus Kelvin. Então quanto maior a temperatura, mais próximo do azulado o branco está e quanto menor a temperatura, mais próximo do vermelho. Por consequência, criou-se o termo “branco frio” e “branco quente” respectivamente.

Já os refletores COLORIDOS são compostos por 3 cores: vermelho (red), verde (green) e azul (blue). Por causa de seus nomes em inglês, chamamos os refletores coloridos de RGB (red – green – blue). Neste caso a indicação de cor é feita por comprimento de onda (nm), sendo de 440-485 nm a cor azul, de 500-565 nm a cor verde e de 625-740 nm a cor vermelha. Para exemplificar, mostramos no gráfico abaixo de que forma essas cores se misturam e quais tonalidades são resultantes dessas misturas:

O que considerar na hora de fazer o dimensionamento de iluminação?

  • Área de melhor aproveitamento: todos os refletores possuem uma área em que a luminosidade é maior. Ao passo que objeto a ser iluminado vai se distanciando, ela vai diminuindo. Por sito, pense sempre em usar a área otimizada a fim de evitar manchas e sombreamento.
  • Difração da luz: a forma como a luz se comporta na água é diferente da que se comporta no ar. E neste caso, a água pode ser aliada! É possível que a área ao redor do refletor seja iluminada em 180º (para refletores Cristal Led Inox) mesmo que o ângulo de abertura do led seja menor .
  • Espaçamento: para calcular o espaçamento entre os refletores é importante ter em mãos algumas informações relevantes, como o tipo e cor do revestimento e o formato da piscina. Ademais, será necessário fazer alguns ajustes em degraus, prainhas e acertos para que a distribuição fique harmoniosa.

 

Você pode se basear na tabela abaixo e ver mais detalhes em nosso vídeo, clicando aqui.

  • Alcance: o alcance do refletor também é influenciado pelos mesmos parâmetros do espaçamento, ou seja, quanto mais reflexivo e claro for o revestimento da piscina, maior será o alcance do refletor. Da mesma forma o contrário é verdadeiro.
  • Modelo: a escolha do modelo do refletor deve levar em consideração também as questões práticas do projeto, como tubos que estão (ou estarão na espera), harmonização com o revestimento e paginação, espaço e facilidade de instalação e claro, o gosto do dono da piscina.
  • Altura de instalação dos refletores: Nossa recomendação é que os refletores sejam instalados na metade da altura da lâmina de água para melhor desempenho.
  • Cabos: Para diminuir a perda de carga durante o processo de instalação, sugerimos que os refletores sejam confeccionados com os cabos no tamanho ideal para que possam ser conectados às suas caixas de comando sem o uso de emendas. Portanto é importante calcular as distâncias já na fase de dimensionamento.

Agora que essas informações estão alinhadas, pode se dar andamento ao projeto com menos possibilidades de riscos em sua execução e mais chances de clientes satisfeitos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *